gastronomiaverde.com.br

    LOADING
    O Estado de São PauloO GloboCanal FuturaTV BrasilSuper InteressanteNational Geographic

Movimento Gastronomia Sustentável e restaurantes de São Paulo lançam Iº Festival do Eco Prato

_______________________________________________________________________________________________________________________

Movimento Gastronomia Sustentável e restaurantes

de São Paulo lançam Iº Festival do Eco Prato


Símbolo nacional de excelência gastronômica, São Paulo contará a partir de 5 de dezembro com o Iº Festival do Eco Prato, cuja proposta é mostrar que respeito ao meio ambiente pode combinar muito bem com sabor. A iniciativa tem a adesão de diversos restaurantes participantes da campanha “Gastronomia Sustentável”, em prática desde maio na cidade com a coordenação da agência 18 Cinema & Marketing.


“A sustentabilidade chegou literalmente ao prato e com o festival nosso objetivo é inspirar os clientes a refletir sobre suas opções de consumo e procedência dos alimentos”, afirma Sérgio Lerrer, diretor da 18 Cinema & Marketing.
Com duração prevista de até 6 meses, o Festival do Eco Prato será um processo contínuo. A cada período, ao menos 10 restaurantes apresentarão, durante 30 dias, um prato, entrada ou refeição completa criados dentro de conceitos sustentáveis, contemplando, entre outros, respeito ao solo e à terra no cultivo, certificação de procedência, biodiversidade, foco em alimentação saudável e ingredientes oriundos de processos de responsabilidade social e ambiental.


Participam desta primeira etapa do festival os restaurantes Vinheria Percussi, Praça de São Lourenço, Ráscal, Chácara Santa Cecilia, Quintal dos Orgânicos, Rede Galetos, entre outros (veja os pratos oferecidos abaixo).
Em prática desde maio na Grande São Paulo, a campanha Gastronomia Sustentável vem coordenando ações sustentáveis na gestão dos restaurantes da região. Entre elas destacam-se a transparência na coleta de óleo de cozinha usado para reciclagem com fins de biodiesel, o cálculo de emissão de carbono e compensação ambiental com o plantio de mudas na Reserva de Morro Grande em Cotia (SP), o gerenciamento estatístico do uso de água e luz, e o compartilhamento de conteúdo em palestras e mesas redondas sobre sustentabilidade.


“Lembramos que o Eco Prato não é um festival vegetariano ou natureba, mesmo contemplando estas vertentes. É, antes de tudo, um evento gastronômico comprometido com valores maiores, representantes da safra de alimentos do Brasil. Sua proposta é induzir boas iniciativas em direção à saúde, bem estar e respeito ao meio ambiente, unindo alta gastronomia e alimentação saudável”, conclui Lerrer.

Cardápio do Festival Eco Prato:

Berlin Costelaria – Anchova Negra na Crosta de Pão e Especiarias com Banana.
Av. Kennedy, 510 -  Jardim do Mar - São Bernardo do Campo - SP - Fone: 11 4125-6054 - www.costelariaberlin.com.br

Café e Restaurante Berlin - Filé de Pintado ao Molho Silvestre. O prato é preparado com filé de pintado grelhado, de aproximadamente 200g in natura, ao molho de mel com Castanha do Pará, azeite e limão, acompanhado de purê de mandioquinha (100g). O pescado brasileiro de água doce, como o Pintado, oferece uma carne branda e saborosa, sendo exportada para o mundo todo. A bacia hidrográfica brasileira é rica em bons pescados.
Rua Vieira de Moraes, 1960, Brooklin, 04617-017 São Paulo - SP

Casa da Fazenda do Morumbi - Pirarucu moquecado. O prato idealizado pelo restaurante é uma convergência de brasilidade: o Pirarucu é um dos maiores peixes das águas fluviais do país, originado especialmente da bacia Amazônica. Acompanhado de castanha-do-pará de alta qualidade nutritiva, do arroz vermelho que chegou ao Brasil pelos açorianos, abóbora e da típica manteiga de dendê baiana. Um painel de sabores e possibilidades.
Avenida Morumbi, 5594 - Morumbi  São Paulo – Fone: 11 3742-2810 www.casadafazenda.com.br

Chácara Santa Cecília - Risoto de Cupuaçu e Aipo. O cupuaçu é uma fruta da Amazônia nem sempre presente na culinária dos restaurantes. Representa bem a biodiversidade tropical do país, tendo procedência do Pará. Sua combinação com o aipo como acompanhamento do risoto confere ao prato um visual elaborado.
Rua Ferreira de Araújo, 601 – Pinheiros – São Paulo – Fone: 11 3034.6251 - www.chacarasantacecilia.com.br

D'olivino – Kuzu Kebab, carne de cordeiro (com certificação de origem e rastreabilidade) temperada com sal de especiarias envolta em paus de canela guarnecida com molho de iogurte com hortelã. A escolha de carnes com rastreabilidade garante procedência, abate correto, controle de todos os tipos de incidentes nos rebanhos animais.
Rua Haddock Lobo, 1159 – Jardins – São Paulo – Fone: 11 3068.9797 – www.dolivinorestaurante.com.br

Eco House – Ceviche: peixe branco com preparação toda especial do restaurante, que produz em seu terraço ajardinado hidropônicos e aquapônicos em agricultura verticalizada. Os frequentadores do restaurante podem passear pela “horta orgânica na laje”, que abastece a casa totalmente na parte de ervas e parcialmente na parte de hortaliças. O “eco telhado” é uma tendência em alguns restaurantes novaiorquinos.
Rua Amaro Cavalheiro, 158 – Pinheiros – São Paulo – Fone: 11 3846.7112 www.ecohouseeventos.com.br

Fricco - Penne al sugo de linguiça de porco caipira. A produção deste tipo de linguiça leva em conta, entre outros, a rastreabilidade do animal do produtor até o consumidor com uma fileira curta, recuperação de raças ameaçadas de extinção, além de manejo semibrado com bem-estar animal em todas as fases. A chamada origem “caipira” dos alimentos contribui para o retorno do sabor genuíno dos mesmos.
Rua Cubatão, 837 – Paraíso – São Paulo – Fone: 11 5084.0480 – www.fricco.com.br

Galeto´s
- Galeto Desossado com um misto de Vegetais Grelhados. A rede especializada em Galetos vem procurando criar combinações saudáveis em seu cardápio. O chamado “franguinho de leite”, abatido com menos de 60 dias, é totalmente sem gordura oferecendo mais sabor e crocância na carne.
Fone: 0800 11 96 43 – www.galetos.com.br

La Caballerizza
- Filé mignon ao molho de açaí e baunilha acompanhado de purê de cará. A utilização de frutos da região amazônica brasileira como o  Açaí e Cará em combinações gourmet já é praxe para grandes chefs da Europa. No Brasil está começando.
Alameda Campinas, 530 – Jardins – São Paulo – Fone: 11 3541.2200 – www.lacaballeriza.com.br

La Gloria Pizza Bar – Pizza Delicata, feita com farinha integral, abrobrinha grelhada, queijo brie e alho poro.
Av. Macuco, 685 – Moema – Fone: 11 5051-5329
www.lagloriapizzabar.com.br

Leona Pizza Bar
– Pizza de Manga, feita com molho de alho porró, folhas verdes, manga, castanha de caju e queijo ralado. A combinação de folhas e frutas torna a pizza um prato especial e diferente. É uma combinação que atende vegetarianos e quem quer comer pizza com ingredientes naturais.
Rua Constantino de Souza, 582 – Campo Belo – São Paulo – Fone: 11 5096.3000 – www.leonapizzabar.com.br

Mamarama
- Ravioli de abóbora recheado com queijo coalho ao molho "ragú" de carne seca. As combinações de abóbora, queijo coalho e carne seca restauram aspecto “vintage” da culinária brasileira tradicional dos anos 30 a 60 e depois pouco utilizada. Elementos anteriormente apreciados em nossa culinária regional retornam com toda força na afirmação da identidade das próprias comunidades e suas histórias.
Rua Pará, 196 – Consolação – São Paulo – Fone: 11 3661.8307 – www.mamarana.com

Mangalô – Salada Havaiana com Grãos Integrais: rodela de abacaxi grelhado sobre queijo minas grelhado com grãos integrais (aveia, cevada, trigo e lentilha) sobre uma cama de verdes (alface). A biodiversidade dos grãos tem sido considerada essencial para o bom funcionamento do organismo pelas pesquisas de saúde. Acrescentá-los aos pratos oferece fibras e sabor.
Rua Pe. Antonio José dos Santos, 255 – Brooklin – São Paulo – Fone: 11 2936.7255 – www.restaurantemangalo.com.br

Manish - Kibe Vegetariano. A massa do kibe é feita com abóbora cozida, cebola e trigo. O recheio é de queijo cottage, ervilha torta, cenoura, cebolinha e alho poró. Toda essa combinação reina sobre um delicioso Spaguetti de pupunha salteado com azeite virgem, tomate e cebola. Na finalização, salpica-se lascas de amêndoa torradas no azeite.Essa fusão apresenta alimentos naturais, um mix com origens culturais e brasileiras, um novo conjunto de sabores que carrega história e biodiversidade. Av. Horacio Lafer, 491 - Itaim - São Paulo - Fone: 11 4301.5928 - www.manishrestaurante.com.br -  E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Marakuthai - Creme de berinjela com pó de shitake e aspargos crus. A alta gastronomia usa sua criatividade para gerar texturas diferentes de vegetais e legumes. A consistência é uma agradável surpresa para o paladar. Surpreende até mesmo os mais conservadores.
Rua Consolação, 2919 – Jardins – São Paulo – Fone: 11 3026.7556 – www.marakuthai.com.br

O Pote do Rei
- Peixe do dia com crosta de castanha do Pará, palmito pupunha e molho de açaí. O Chef William explora criações gastronômicas com evidência eco degustativas. No prato do Festival, ele apresenta o peixe do dia com crosta de castanha do pará, o palmito pupunha de reservas plantadas e dá um acabamento com o fantástico molho de açaí. Prato todo feito com elementos nacionais e que traduzem a geografia brasileira.
Rua Joaquim Antunes, 224  São Paulo – SP – opotedorei.com

Othelo Bar e Restaurante – Kedgeree, risoto de lagostins, curry, gengibre, maçã, alcachofra e chutney de damasco. Unir ingredientes de origens diversas torna o prato em si um verdadeiro caleidoscópio. A criatividade reúne frutas, ervas, frutos do mar e flores como a alcachofra. Esta, proveniente das regiões mediterrâneas, é altamente nutritiva, ótima em combinações doces ou salgadas e com total aproveitamento.
Rua Dr Jesuíno Maciel, 728 – Campo Belo – São Paulo – Fone: 11 5041.3071 – www.othelobarerestaurante.com.br

Quintal dos Orgânicos – Salada com Germinados, Espaguete de abobrinha com pesto de rúcula e, para sobremesa, Torta de Chocolate com Frutas.  Evidenciar e extrair a força máxima de sabor e saúde traduz a aspiração deste conjunto criado pelo Quintal dos Orgânicos. A chamada alimentação viva se faz presente nos germinados, que trazem vitalidade e minerais ao organismo humano. E o espaguete de abobrinha mostra como técnicas de alta culinária podem ser usadas em legumes.
Rua Fradique Coutinho, 1416 – Vila Madalena – São Paulo – SP – Fone: 11 2386.1881 – Facebook: Quintal dos Orgânicos

Pomodori – Cappeline ao Molho de Limão Siciliano e Brotos orgânicos de Rúcula. No Pomodori o Chef Diogo Silveira refina suas criações com combinações simples, mas com toques de complexidade. A presença do limão siciliano traz ao paladar um viés silvestre e os brotos orgânicos mostram a fibra de hortaliças rústicas e firmes.
Rua Dr Renato Paes de Barros, 534 – Itaim – São Paulo – Fone: 11 3168.3123 – www.pomodori.com.br

Praça de São Lourenço - Palmito Pupunha Assado, feito com o palmito da pupunheira (que apresenta várias vantagens sustentáveis sobre o palmito extraído de palmeiras nativas, como o açaí e a juçara, exploradas de forma extrativista e por isso com restrições legais e risco de extinção). A seleção dos alimentos pela sua procedência pode incentivar ou não seu cultivo legal e ambientalmente sustentável. É o caso do Palmito Pupunha de origem certificada.
Rua Casa do Ator, 608 – Vila Olímpia – São Paulo – Fone: 11 3053.9300 e Shopping Iguatemi Alphaville –  www.pracasaolourenco.com.br

Ráscal – Salmão Assado no forno à lenha e servido com ervas. O salmão é um dos maiores “veículos” de omega 3 na natureza, e feito no forno à lenha de forma lenta conserva muito mais suas propriedades. O Ráscal usa apenas lenha certificada de florestas renováveis.
Consultar fones e endereços em: www.rascal.com.br

Rede 1900 - Pizza Zucchini com massa integral, abobrinhas fatiadas com parmesão ou queijo de cabra. A alternativa de massa integral nas pizzas favorece dois aspectos: a utilização integral do grão de trigo, com sua cor natural e com todas suas fibras genuínas que fazem tão bem à saúde, assim como o combate ao desperdício, pois evita sobras existentes no caso das farinhas brancas.
Consultar fones e endereços: www.1900.com.br

Sagrado Bar - Quinua com frango ao curry, cenoura, ervilha torta e mix de folhas com tomate cereja, erva-doce, mussarela de búfala e lâminas de amêndoas. A diversidade dos grãos tem chegado aos pratos dos restaurantes, como é o caso da quinua. Em um país com fixação pelo grão do arroz e do feijão, variações como a quinua mostram a necessidade de flexibilizar experimentações.
Rua Dr Renato Paes de Barros, 994 – Itaim – São Paulo – Fone: 11 3848.0302 – www.sagradobar.com.br

Spadaccino – Funghi Freschi, à base de cogumelos orgânicos variados, shitake, pleurotes brancos, pleurotes rosados, portobelo, shimeji e tomatinhos orgânicos. A produção orgânica de cogumelos mantém todas as qualidades saudáveis e toda intensidade do sabor. A certificação de orgânico dos produtos permite identificar o respeito ao solo e à terra onde foram cultivados.
Rua Mourato Coelho, 1267 – Pinheiros – São Paulo – Fone: 11 3032.8605 – www.spadaccino.com.br

Vegetão – Feijoada do Matutu, feita com ingredientes orgânicos, que respeitam o meio ambiente.
Rua Dr. Diogo de Faria, 568 – Vila Clementino – São Paulo – Fone: 11 5574.6875  - www.vegetao.com.br

Vinheria Percussi - Insalatina verde di funghi, feito com brotos de agrião e verdes hidropônicos. Boas folhas escolhidas em estado de excelência permitem extrair o máximo de seus aromas e texturas. Fazer isso com rigor para gerar prazer gastronômico é o que busca a Vinheria Percurssi.
Rua Cônego Eugênio Leite, 523 – Pinheiros – São Paulo – Fone: 11 3088.4920 – www.percussi.com.br


Mais informações:
18 Cinema & Marketing – Ação: Gastronomia Sustentável
Sites:  www.gastronomiaverde.com.br
www.festivalecoprato.com.br
facebook /gastronomia sustentável
Fones de contato:
(11) 4063.7906 / 4169.7156 / 8175.0821
Endereço: Rua México, 1010 - Granja Viana
Informações para imprensa: CW Consultoria de Comunicação: Cecília Schonenberg Telefones (11) 3338-1180 ou (11) 8181-2022 e-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.